terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Aluguer da Casa - Regulamento

A Casa do Mocamfe está disponível para sócios e não-sócios do Mocamfe. Mas há algumas regras a seguir , e aqui vão elas:

Lotação da Casa: 10 pessoas (não sócios).
Preço do Aluguer por noite: 12€ por pessoa (não sócios). 4€ para os mocamfinos (sócios com quotas em dia).
O pagamento integral do aluguer é feito com antecedência para os não sócios.

Download da ficha de aluguer

Mapas da Serra
Kzm (Google Earth)

Notas: A casa é alugada de "coração aberto", ou seja, aplica-se o velho dito "deixe a casa melhor do que estava". Isto quer dizer que apelamos ao bom senso e boa vontade de quem aluga a casa, e confiamos que haja sensibilidade de quem a alugue para a manter. A ficha de aluguer explica bem como deixar a casa no fim da estadia para que outros as possam usufruir.

Para reservar: email: casadomocamfe@gmail.com

1 comentário:

casadomocamfe disse...

Antigos Comentários



Pastor Negligente disse...
Locação - CAPÍTULO IV do Código Civil

Secção I - Disposições gerais

Artigo 1022º - Noção
'Locação é o contrato pelo qual uma das partes se obriga a proporcionar à outra o gozo temporário de uma coisa, mediante retribuição.'

Artigo 1023º - Arrendamento e aluguer
'A locação diz-se arrendamento quando versa sobre coisa imóvel, aluguer quando incide sobre coisa móvel.'

(Gente de Direito é de chatear a moleirinha, não é verdade?)

13 de Março de 2008 16:50


filipe disse...
olá! parabéns e força para o blog, um cheirinho de mocamfe-moderno :)

queria só xistar em relação aos preços!: se, por um lado, acho que nenhum sócio se importa de pagar mais de 4€/noite, não me sinto tão bem a convidar pessoal a ir lá e eles terem de pagar 3xs o que eu pago! poderiamos criar um "amigo de sócio" que seja um intermédio entre o "sócio" e o "não"? (na verdade acho que todos os preços estão bastante baixos!, e vejo isto não dum modo puramente capitalista, mas na perspectiva de ganhar algum, de boa vontade, pa facilitar o GTT!)
abraços e cantigas no escuro do talasnal:)

15 de Abril de 2008 19:06


casadomocamfe disse...
bem, isso já foi discutido alarvemente...a questão é que tudo assenta na simplicidade de gestão. É que esse caso não é o único a ser encarado com coração aberto, vejamos:
1.Temos os Sócios
2.Temos os Sócios com Quotas em Atraso
3. Temos os "habitués" da casa, cuja única ligação ao Mocamfe se prende com o uso da casa em si, que inclui algumas doações e etc
4. Temos os forasteiros absolutos, que querem, gostam e têm o direito de usufruir da casa desde que respondam às nossas regras
5. Temos os amigos dos sócios
6. Temos as(os) namoradas(os) dos sócios
7. Temos a(o) "namorada(o) / companheira(o) do sócio que não é sócia(o) mas vivem juntos e quota de família e lá lá lá"

Arranjar maneira de gerir todas estas questões de excepção é um berbicacho de todo o tamanho. No caso que referes a solução é simples...faz os amigos interessados em ir para o Talasnal sócios do Mocamfe e voilá! Quiçá teremos mais um animador em Pinóquios :D

Agora a sério, é mesmo complicado e simplicidade é a palavra de ordem. Mas já vinham sugestões de simplificar ainda mais o aluguer! Temos fim de semana GTT marcado!

Abraços

nota: o Mocamfe só não é moderno enquanto quisermos ser nostálgicos (estou profundo).

16 de Abril de 2008 03:49


Miguel disse...
Mocamfe, nunca vou faltar a um campo e vou ate a animador!

7 de Janeiro de 2011 21:55